quinta-feira, 9 de março de 2017

Observações do vazio XXXVII

Retratos e poemas
nas gavetas, reclusos

Soam como trompetes
quase mudos

09-03-2017

Nenhum comentário:

Postar um comentário