quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Poema sem título II

I
A imaginação
Prefere curvas às retas

Cria de antemão
Clareia visões encobertas

II

Desordena lençóis
Propõe descaminhos

Dá luz aos atóis
Encanta  passarinhos

III

Pela paz, ou na arte
Veste fantasias

Se chega, ou se parte
Baunilha é o sabor de seus dias

12-10-2016

terça-feira, 4 de outubro de 2016

Diário de bordo de um capitão alienígena II

Esses seres do século XXI, nas ruas

As cabeças encerradas nos capuzes dos moletons
em dias de insuportável calor

Olhos vidrados
cravados nas telas dos celulares

Ansiosos

Recusando-se ao abandono do útero materno

***

Assusta-me a ideia
de me apoderar de seus corpos

04-10-2016

domingo, 2 de outubro de 2016

Adormecidas

Palavras, em mim, adormecidas
Guardam em si
Tua nua essência

São partes minhas por nascer
A partir de tua existência

02-10-2016

Fotografia, outubro de 2016