sábado, 16 de janeiro de 2010

Chão de espelhos

Eu te vejo à meia luz
Olhando para o chão
Como alguém que deseja partir

Mas quem sou eu

Um mero espantalho
Com uma caneta na mão

Imagem da arte

Eu só queria entender
A sombra que te reparte...

16-01-10

Um comentário: